Várias coisas…

Este post é o legítimo ” UMA IMAGEM VALE POR MIL PALAVRAS”.

Coisa 1: o computador além de antigo é muuuuuuito usado, consequentemente o cooler nem sempre dá conta. para evitar superaquecimento o negócio era deixá-lo suspenso, mas como? Quatro tampinhas de garrafa de iogurte foram a solução caseira (os “pezinhos” verdes embaixo do computador).

Coisa 2:  no meio da “jardinagem” do prédio, desde dezembro, eu estava vendo um vaso de cerâmica abandonado, como até agora ninguém o recolheu acabei  trazendo para casa. Sempre jogo sementes na terra, então, de vez em quando nascem plantas inesperadas ou, no caso de pitangueiras, misturadas com outras. Sempre quis uma mini pitangueira  vamos ver se consigo fazer um falso bonsai com essa aí (li que tagete espanta formigas, por isso há uma mudinha junto com a pitangueira).

Coisa 3:  Pitangueira plantada, mas como proteger a terra de um vaso de um eventual ataque dos gatos? Quando estive na casa da minha Mami e mostrei meus potes de sorvete adaptados como vasos a prova de gatos ela me deu um retalho de tela plástica (que meu avô guardou quando fez telas mosquiteiras pra casa dele – já faz alguns anos que o Vô Nélson morreu!). Esta foi a primeira experiência por isso ficou feio assim… o ideal é riscar na tela a circunferência da boca do vaso , marcar uma margem para a dobra e só então cortar. No centro da tela corta-se um espaço para acomodar a planta (fiz o arremate com um isqueiro para evitar que a tela desfiasse), como a planta já está na terra passe folha por folha cuidadosamente pelo orifício, daí é só amarrar ( com barbante, fio metálico, cordinhas diversas, fita de presente…)

Coisa 4: A pergunta que não quer calar, por que raios os vasos de plantas e os pratinhos são sempre vendidos separadamente?  A solução que arrumei foi a de usar tampas de embalagens e pratinhos de isopor (já prestaram atenção a quantidade de isopor que produzimos?).

Coisa 5:  Carretel/retrós de linha costuma ir para o lixo (se você tiver crianças dá pra fazer colares para brincar) como minha mãe costura e precisava trazer um  pedaço de viés, usei um carretel vazio com um alfinete (localizaram o carretel na foto? Com viés laranja).

Coisa 6: A Mitsy não fica a coisa mais linda do mundo usando o computador como lençol térmico!? (Sou muito babona mesmo! 😉

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: