Ocupação atual: dona de casa!

Sou uma dessas pessoas privilegiadas que pôde parar de trabalhar quase dois meses antes do nascimento do filho. Parar de trabalhar nas duas primeiras semanas pareceu férias, na terceira foi um pouco deprimente, na quarta estava desesperada para voltar a ter o constante desafio intelectual da sala de aula (Muito obrigada por continuarem as aulas de português, DD, e inglês, DD, comigo – sim, ambos os alunos têm as mesmas iniciais!)! Além disso, sou autônoma, então este privilégio representa uma significativa diminuição de renda familiar (carga no mínimo dobrada nos ombros do Sr F!).

Alguns anos atrás havia um email com um texto humorístico maldizendo as feministas que queimaram sutiãs e lutaram por direitos iguais aos homens. Mas o grande ponto foi ter o direito de escolher o que as mulheres queriam fazer e não mais ter um destino pré-traçado sem opção de ser nada além do que dona de casa/mãe/esposa.

Hoje em dia percebo uma grande opressão às mulheres que decidem se dedicarem integralmente à família. Como se as mulheres que não têm uma atividade remunerada não trabalhassem, simplesmente não fizessem nada o dia todo (experimente passar um tempo se dedicando exclusivamente à economia e logística doméstica!) e “emburecessem” por aparentemente não terem desempenho intelectual (com tanta informação disponível na internet só fica sem ter sobre o que pensar e repensar quem  quer!).

Cada vez mais tenho conversado com mulheres com formação acadêmica, reconhecimento profissional e tals que gostariam de poder se dedicar se não integralmente , pelo menos boa parte de seus dias aos afazeres domésticos. Trabalho de casa cansa? É chato? Toda atividade enjoa de vez em quando! Mas o prazer de ver a casa arrumada, decoração criativa, as roupas cheirosas, a felicidade nos olhos da família ao ver uma surpresa gastronômica NÃO TEM PREÇO!!!

Isso quer dizer que não vou mais ser professora? NÃO!!! Sou apaixonada pela minha profissão, mas se puder manter meu home office e trabalhar exclusivamente com aulas online acho que vou ter o melhor dos dois mundos! 🙂

Veja mais:

http://delas.ig.com.br/comportamento/donas-de-casa-sofrem-preconceito/n1597339956538.html

Anúncios

4 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Roberta Fraga
    dez 06, 2011 @ 19:46:14

    Um filme que retrata bem isso é O sorriso da Monalisa. Uma reflexão que vale muito a pena. Eu não acho o fim do mundo ser ou estar dona de casa, apesar do trabalho. Trabalho por necessidade mesmo rs Quando eu ganhar na mega, mudo isso tudo…

    Resposta

    • SenhoraF
      dez 06, 2011 @ 19:49:39

      Oi Roberta!
      Você é uma das mulheres que conheço que tem formação acadêmica e carreira profissional, é mãe e blogueira, e sempre dá um jeito de criar manualidades! Talvez se o dia tivesse umas 30 horas a gente conseguisse mais tempo pra “brincar de casinha” também! 🙂

      Resposta

  2. Danielle
    dez 07, 2011 @ 15:24:49

    Muito bom este post!

    Posso confessar que até eu tenho um pouco de preconceito contra donas de casa. Mas quando penso logicamente, percebo que é decisão pessoal de cada família, e a mulher não deve ser julgada por tomar esta decisão. Há muitos benefícios para a família quando um dos pais não trabalha.

    Mas ainda me irrita um pouco quando a mulher fica em casa e ainda manda criança para creche!

    Penso que eu nunca aguentaria ser dona de casa, mas ainda não tenho filhos…

    Resposta

    • SenhoraF
      dez 07, 2011 @ 23:56:03

      Danielle,

      Foi bom ter te visto por aqui! Entendo perfeitamente teu ponto de vista, nossa geração foi criada para valorizar muito mais a carreira profissional do que a doméstica – na verdade, fomos, pelo menos em parte, ensinadas a menosprezar as “prendas domésticas”.

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: